Prefeito João Rufino é entrevistado por Alunas da Escola Frei Inocêncio

O Prefeito João Rufino, recebeu na manhã de segunda-feira (04 de junho), alunas do 9º ano e professora da Escola Municipal  Frei Inocêncio, para conceder uma entrevista diferente das habituais. É que as estudantes Anna Flavia, Ronara Christina, Thaís Gonçalves, Jamylli Lopes acompanhada pela professora Keylla Cristina, entrevistaram o chefe do executivo para realização de um jornal impresso, retratando a história do município de Mantena.

As perguntas realizadas ao Prefeito foram as mais variadas possíveis, desde seu histórico politico, até as ações que ele ainda pretende realizar na cidade. A aluna Ronara Christina, perguntou se era difícil cuidar do Município.

R: “É muito difícil sim, é como os pais de vocês, cuidando da família. Muitas vezes nós queremos fazer tantas coisas, mas a despesa é alta e o recurso é pequeno. É como ir ao mercado e querer comprar um monte de doces, mas com o dinheiro que têm, não dá para levar tudo pra casa”, disse o Prefeito.

A estudante Thaís Gonçalves, perguntou: “O que você acha de ser Prefeito?”

R: “É muito gratificante. Mesmo com as dificuldades que passamos aqui, só de saber que podemos fazer a vida das pessoas melhorar a cada dia é recompensador. Sinto-me muito feliz em poder ajudar o nosso município”, disse o Prefeito João Rufino.

Já a aluna Jamylli Lopes: “O que o senhor ainda planeja fazer pela cidade?”

R: “Eu pretendo concluir muitas obras que estão em andamento, calçar muitas ruas que ainda não tem pavimentação e muitas outras. Temos bastante trabalho pra ser feito em nosso município”, respondeu o Prefeito.

As estudantes disseram terem sido surpreendidas com a receptividade do prefeito;  “Fomos muito bem recebidas por ele e ficar frente a frente com o prefeito foi emocionante, nos sentimos lisonjeadas. Agora, com a entrevista dele, vamos elaborar nosso jornal para que todos os alunos acreditem que eles também podem vencer obstáculos e fazer a diferença”, disseram as alunas.

O prefeito agradeceu e parabenizou as alunas pela iniciativa. “É gratificante ver o interesse dessas estudantes. É preciso estimular cada vez mais os jovens a se interessarem pelas questões públicas, somente dessa forma teremos um país melhor”, finalizou João Rufino.

Compartilhe